No último final de semana, Fortaleza foi uma das capitais onde houve mobilização de portadores de doenças raras, familiares e amigos contra esse retrocesso do STF em cortar gastos tirando dos doentes o direito à medicação de alto custo. A Mobilização foi organizada pela ABRAME.